O Partido


PMDB/MG

No dia 24 de março de 1966, o MDB, futuro PMDB, foi fundado. Na época, o Brasil era governado pelos militares, período caracterizado pela falta de democracia, pela supressão de direitos constitucionais, pela censura, perseguição política e repressão aos que eram contra o regime militar. Neste contexto nasceu o Movimento Democrático Brasileiro (MDB), que se propunha a ser oposição à Aliança Renovadora Nacional (ARENA), que representava os militares. O MDB de Minas Gerais, futuro PMDB-MG, foi criado no mesmo dia que o nacional.

O Partido do Movimento Democrático Brasileiro se destacou na atuação contra a ditadura. Em 1982, nas eleições para a Câmara dos Vereadores de Belo Horizonte, das 33 cadeiras o PMDB elegeu 23, tendo maioria na Casa. No mesmo ano, foram eleitos 44 deputados de 77 vagas para a Assembleia Legislativa de Minas Gerias (ALMG). Na esfera federal, ainda nas eleições de 1982, Itamar Franco foi eleito para o Senado por Minas Gerais e o PMDB elegeu 23 dos 33 deputados federais. A sigla também já teve um governador em Minas Gerais. Newton Cardoso comandou o Estado entre os anos de 1987 e 1991.

O PMDB-MG sempre teve sua sede na capital mineira. Já esteve instalado nas avenidas Raja Gabaglia, Afonso Pena e Nossa Senhora do Carmo. Hoje, o Partido dos Mineiros está localizado na Rua Juiz de Fora, número 1375, bairro Santo Agostinho. A mudança para o novo endereço se explica pela proximidade com a ALMG. A legenda teve políticos importantes ocupando a sua presidência em Minas Gerais, como Camilo Nogueira da Gama, Jorge Ferraz (ainda como MDB), Fued Dib, Joaquim Melo Freire, Armando Costa, Saraiva Felipe, Fernando Diniz, Zaire Rezende. Atualmente, o partido é presidido pelo deputado federal e ex-ministro da Agricultura, Antônio Andrade.

O PMDB é o maior partido político do País, sempre aberto aos jovens, às mulheres e aos trabalhadores. Um partido aberto aos democratas de todas as tendências que desejam construir uma sociedade justa, solidária, fraterna e ética.

O PMDB de Tancredo Neves, Theotônio Vilela e Ulysses Guimarães é o partido democrático escolhido pelo povo para promover a justiça social no Brasil. Fim da Ditadura, Constituinte e as Diretas Já foram as bandeiras erguidas pelo Movimento Democrático Brasileiro na época do regime militar, e essas causas refletem a atuação política do PMDB até os dias de hoje, que se baseia na luta pela democracia e pela participação popular.